Amor

FAÇO POR MIM

Acho engraçado quando me perguntam por que estou indo na academia. Se tem um carinha novo no pedaço e coisa e tal. Se a minha dieta e meus quilos a menos tem a ver com alguma paixão. Meu salto alto nos pés e minha maquiagem no rosto servem pea retocar meu dia, dar um upgrade nas minhas vontades. Pode ser? Quer dizer que a gente só precisa se cuidar pra agradar outro homem? O pior é que muita gente ainda pensa assim, inclusive as minhas amigas.

Claro que a gente quer estar bonita, com tudo em cima pra seduzir, pro encontro de sexta. Sabe como é, queremos nos sentir à vontade na hora de tirar a roupa, vai que rola aquele sexo casual. Dar prazer é consequencia do nosso estado psicológico também, quando a gente se sente segura, confiante dos nossos desejos, do nosso corpo. Mas isso independe da forma física. É questão de autoestima, livre de amarras para poder se entregar. Depende do parceiro também, mas muito mais da gente.

Confesso que não entendo a surpresa por eu querer ser solteira e ainda me cuidar. Não, não tenho nenhum peguete à vista, porque tem horas que a gente enche o saco mesmo e só quer a garrafa de vinho como companhia. Quero fortalecer o bumbum e diminuir a silhueta pra entrar naquela roupa que comprei na esperança de emagrecer. Quero sair de casa com aquele batom que paguei uma nota porque posso, porque trabalho, porque comprei e porque sou mulher, caramba! Precisa mais?

Fazer as coisas por mim, me sentir bem comigo mesma. Seguramente tudo isso vai atrair outras pessoas. Mas não é pelo meu post no Instagram. É pela atitude. É por cuidar de mim, mostrar minha força, mesmo quando ela falhar, o que me colocará de frente pro mundo, de cara com a vida.

Vou à luta todos os dias com um sorriso no rosto pra trabalhar, malhar, sair, conversar, viver. Choro com meus filmes românticos, com vídeos fofos de bebês e bichinhos na internet. Sou sensível também. Mas não a ponto de me curvar pra vida ou para vontades alheias. Me faço feliz e tenho certeza que quando chegar a hora, poderei somar essa felicidade ao lado de alguém.

Eu em primeiro lugar.

Agora dá licença que vou dar uma corrida porque hoje eu vou sair com as meninas e vamos comer hambúrguer.