Amor

ANSIOSA

Aquele jeito de falar rápido pra ser ouvida o quanto antes. Uma pressa de viver. A mania de abraçar o mundo pra se sentir encaixada dentro desse planeta que corre e não sai do lugar. A maneira como faz várias coisas ao mesmo tempo e enquanto isso pensa em tantas outras que ainda vai fazer.

Calma, menina! O tempo está dentro de você. Não importa o quanto você acelere o passo, o caminho não irá se alterar. Chegar antes nem sempre significa a hora certa.

Para um pouco, só por alguns minutos, tome um ar, olhe pro céu, leia aquele livro com calma, ligue para o seu primo que mora fora, sente na grama, coloque os pés na areia, almoce como se fosse sua última refeição. Deguste a vida antes que termine o dia.

Eu sei que o relógio é implacável, o chefe quer resultado, os pais julgam, os amigos criticam, a família exige, o tempo corre, a gente corre. E cansa. E sangra. E se frustra por não conseguir fazer tudo que todo mundo quer sem ao menos nos perguntar se temos alguma escolha.

Já que não podemos modificar tudo, podemos tornar a escalada mais amena, com tempo para contemplar a vista, admirar o sol se pôr, a primavera chegar, ou simplesmente um café passar do coador para a caneca.

Velocidade dos atos também representa aquela insistência que muitas vezes é confundida com teimosia, ou o desejo incontrolável de traçar o plano perfeito, esquecendo que a felicidade mora na imprevisível imperfeição.

Inspire, transpire se for o caso, mas sempre respire. Deixe as horas saber onde você está, sem persegui-las. Controle sua agenda de acordo com o seu interesse. Você é sua própria clientela, dona dos seus segundos mais preciosos. Pare pra ver um filho crescer, os pais pedirem conselhos porque voltaram a ser criança e os avós findarem suas vidas com todos os ensinamentos que nunca queremos aprender.

Desfrute as quatro estações com todas as vicissitudes que pudermos aproveitar. Faça uma temporada incrível e depois renove o ciclo a cada ano que passar. Comemore pequenas conquistas como uma vaga de estacionamento que se abriu na hora em que você chegou, ou aquele quilo perdido na esteira dessa semana. Se não é possível ser feliz o tempo todo, seja alegre o quanto for preciso.

E lá de cima aproveite a paisagem. Planar é mais gostoso que voar.